Moscatel de Setúbal: Que vinho é esse?

 

História

 

A fama do Moscatel de Setúbal começou na segunda metade do século XIV quando Ricardo II tornou-se um importador frenético desta bebida, mas foi no reinado de Luís XIV, o Rei Sol, que a fama deste vinho tomou novas proporções, sendo este vinho um item obrigatórios nas festas realizadas por ele em Versalhes.

 

Quando ocorreu a grande expansão portuguesa o vinho navegava em barricas que ficavam expostas ao sol ou submersas sob os cascos dos navios ,o que fez que a bebida, que já tinha  uma qualidade enorme, recebesse um upgrade de qualidade jamais imaginado. Estas barricas cheias de vinho muitas vezes iam e voltavam das expedições e estes vinhos ficaram conhecidos como vinhos de roda ou torna viagem.

 

O que é o Moscatel de Setúbal?

 

 

Moscatel de Setúbal é uma Denominação de Origem Controlada  (DOC) e é caracterizada pelo uso da uva Moscatel de Alexandria sendo a produção realizada na região central do Azeitão, Península de Setúbal, Portugal.

 

 

 

 

 

 

O vinho Moscatel de Setúbal é um vinho de sobremesa generoso (licoroso, fortificado e doce), produzido a partir da uva Moscatel de Alexandria. Este vinho tem como característica  a manutenção das cascas durante todo o processo de fermentação da bebida. As cascas são extremamente aromáticas e a sua manutenção  durante todo o processo (leva meses) traz ao produto final um vinho extremamente aromático e saboroso. Quando o vinho atinge o grau de doçura desejado é adicionado aguardente vínica com o objetivo de interromper a fermentação (da mesma forma que acontece com o vinho do porto). Após o termino de sua produção  o vinho deve passar por pelo menos mais 2 anos amadurecendo para poder ser comercializado.

 

Características:

As bebidas jovens (menos de 5 anos) tem como característica serem frutados, florais e sedosos apresentando-se  extremamente frescos e leves.

 

Os mais velhos (mais de 5 anos) - as safras mais antigas podem chagar de 10 anos, 15 anos, 20 anos, 25 anos, 30 anos, 35 anos, 40anos  e podendo até chagar aos 100 anos de estágio em barricas - possuem grande personalidade, com coloração dourada que vai do topázio ao âmbar com textura sedosa e paladar intenso .Tem notas de frutas secas, compotas e chocolate.

 

Legislação

Segundo a legislação portuguesa para poder ter em seu rótulo o nome" Moscatel de Setúbal" o vinho deve ser produzido com pelo menos 85% de Moscatel de Alexandria.

 

Classificações:

- Não datado: significa que é um blend de diversas safras

- Superior: vinhos com no mínimo 5 anos de idade e que tenham sido passados pela avaliação da Câmara de provadores, atestando qualidade destacada.

- Reserva: Passa por aprovação da Câmara de aprovadores e possuem qualidade atestada.

- Moscatel de Setúbal datado: Se trata de uma bebida feita apenas com a safra que está no rótulo, sem mistura com outras uvas ou safras.

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

© 2017 por Wine´n Food